As melhores músicas de Amy Winehouse

Portal Bagarai

Amy Winehouse deixou o mundo para se tornar uma lenda da boa música, neste sábado a cantora foi encontrada morta em sua casa. A causa da morte ainda não e conhecida.

Amy Winehouse em clipe Stronger Than Me (reprodução Youtube)

Amy Winehouse em clipe Stronger Than Me (reprodução Youtube)

Por volta dos dez anos, Winehouse fundou uma banda amadora – e de curta vida útil – de rap chamada Sweet ‘n’ Sour, as Sour. Ela descreveu a banda como sendo “the little white Jewish Salt ‘n’ Pepa” (“a pequena Salt ‘n’ Pepa judaica”).

Ganhou a sua primeira guitarra elétrica aos 13 anos de idade e por volta dos 16 anos já cantava profissionalmente ao lado de um amigo, o cantor de soul Tyler James.

Segundo os pais de Amy, ela não demonstrava muito talento e cantava tudo timidamente. Eles acreditavam que ela não tinha muitas expectativas. Antes de assinar o contrato com a Island Records, Amy cantava e tocava em pubs de Londres. Darcus Breeze ouviu demos que a cantora havia enviado e “quis saber quem era a garota com a voz de jazz e blues”. Pouco depois, Amy assinou um contrato com a Island e lançou seu álbum de estreia Frank.

“Stronger Than Me” é o primeiro single, lançado em 6 de Outubro de 2003, do álbum de estreia, Frank.

O seu álbum de estréia, “Frank”, lançado em outubro de 2003, foi produzido por Salaam Remi. Diversas canções do álbum possuem influências do jazz e, todas as canções foram escritas por Winehouse.

“Take the Box” é o segundo single do álbum de estreia.

“In My Bed” é o terceiro single do álbum de estreia Frank da inglesa Amy Winehouse. O single foi lançado como duplo Lado-A ou A-Side com You Sent Me Flying e juntos alcançaram a 60º posição no Reino Unido. é uma cação que mistura acordes de guitarra e baixo com metais e vocais sensasionalistas. Tem uma grande ligação com o Hip-hop e o Jazz. Nas letras, Amy Winehouse fala sobre um relacionamento mal sucedido por falta de controle emocional e por seu companheiro não saber separar sexo de emoções.

“You Sent Me Flying” é o terceiro single do álbum de estreia Frank.

“Fuck Me Pumps” é uma canção de R&B escrito pela cantora inglesa Amy Winehouse e Saalam Remi para o primeiro álbum da cantora, Frank (2003). Liberada como a quarta e última canção do álbum, em 23 de agosto de 2004, sob o título de “Pumps” em um lado-A dobrado com “Help Yourself”, alcançando o número 65 no UK Singles Chart.

“Help Yourself” é uma canção de jazz e R&B escrita por Amy Winehouse e Jimmy Hogarth para seu álbum de estreia, Frank (2003). Liberada como a quarta e última canção do álbum, em um lado-A dobrado com “Pumps”, alcançando o número 65 no UK Singles Chart.

“Rehab” é uma canção de soul/jazz/R&B escrita por Amy Winehouse, para o seu segundo álbum de estúdio, Back to Black. A letra é autobiográfica. É o mais premiado hit da cantora, ganhando gravação e música do ano pelo Grammy de melhor canção no MTV Europe Music Awards, gravação do ano no MTV Video Music Awards e melhor música conteporânea no Ivor Novello Awards.

“You Know I’m No Good” é o segundo hit do segundo álbum da cantora Amy Winehouse, Back to Black de (2006). A canção segue o caminho das canções anteriores de Amy, sendo uma mistura de R&B e jazz.

“Back to Black” é o terceiro single lançado por Amy Winehouse em seu segundo álbum de estúdio Back to Black. A música é inspirada em “Baby Love”, música de 1964 da banda The Supremes, e em “Be my Baby” de 1963 da banda The Ronettes.

“Tears Dry on Their Own” é o quarto single do segundo álbum de estúdio Back to Black da cantora inglesa Amy Winehouse.

“Love is a Losing Game” é o quinto single lançado pela cantora inglesa Amy Winehouse para seu segundo álbum de estúdio Back to Black. A canção entrou na BBC Radio 1 em 7 de Novembro de 2007.

“Just Friends” é uma faixa do álbum Back to Black da cantora britânica Amy Winehouse.

Amy Winehouse era um ícone de estilo, trazendo em seu “look” uma mistura diversificada de estilos: os olhos são cobertos por um forte delineador, que lembra o visual de cantores de rock; o cabelo (característica mais marcante no seu visual) é inspirado nos penteados das divas dos anos 1960, passando assim, um pouco de charme e imponência; as roupas são modernas, como ela mesma diz “Eu vivo de jeans e camiseta, não me preocupo muito com as roupas, mas para me apresentar meu cabelo precisa estar ótimo.”suas roupas são simples; as sapatilhas de balé, que estão quase sempre com a cantora. [wiki]

Segundo o The Daily Mirror, uma ambulância foi chamada para a 27-year-old de casa em Camden Square em 16:05 desta tarde. Não se sabe como a cantora vencedora do Grammy morreu.


+ Música

Find us on Twitter