Brasileirão 2016: Chapecoense e Atlético Mineiro teve WO duplo

Brasileirão 2016: Chapecoense e Atlético Mineiro teve WO duplo

Chapecoense x Atlético-MG

Brasileirão 2016

Por

Deixe seu comentário:

Neste domingo (11), Chapecoense e Atlético Mineiro jogaram pela 38ª rodada do Campeonato Brasileiro 2016.

A partida teve WO duplo.

A Chapecoense deu sequência, nesta sexta-feira, às importantes definições para a reestruturação do clube para a próxima temporada. Após encaminhar a resolução dos assuntos prioritários – referentes às tratativas com as famílias das vítimas do acidente aéreo – os dirigentes abordaram o assunto futebol.
Entre as novidades, a principal diz respeito à contratação de Vagner Mancini como próximo técnico da equipe alviverde, que terá inúmeros compromissos em 2017. Além disso, Rui Costa irá compor o Departamento como Diretor Executivo de Futebol; Maringá retorna à equipe como Diretor de Futebol; Nivaldo será o gerente do Departamento e Marquinhos atuará como preparador físico da equipe.
O Presidente do Conselho Deliberativo da Chapecoense, Plínio David de Nes Filho, destacou que a escolha por Mancini foi pautada na essência que a Chapecoense sempre teve. “Encontramos nessas pessoas e vimos nos seus olhos o brilho de quem realmente quer ajudar a reestabelecer as alegrias para o nosso torcedor”, afirmou Plínio.
O novo comandante da equipe alviverde afirmou a felicidade em receber o convite para ser o técnico da reconstrução da Chapecoense – que vinha encantando o Brasil. “Me sinto lisonjeado em poder dar continuidade ao trabalho que o Caio Jr. vinha fazendo. Venho disposto a ajudar essa equipe que já é vencedora”, afirmou Mancini.

Perfil dos contratados

Vagner Mancini iniciou a trajetória como treinador no Paulista, de Jundiaí-SP, em 2004. Na equipe, se destacou ao conquistar a Copa do Brasil, em 2005. Passou um período no exterior, na temporada seguinte, e retornou ao Brasil em 2008 para comandar a equipe do Grêmio. Passou por Santos, Vasco, Guarani, Ceará, Cruzeiro, Sport, Náutico, Atlético-PR e Botafogo. Sua última equipe foi o Vitória, de onde saiu em setembro.

Rui Costa é formado em Direito e construiu toda a sua carreira no futebol na equipe do Grêmio. Entrou na equipe gaúcha em 2012 e em toda a sua passagem atuou 50 contratações de atletas. Além disso, foram cinco técnicos contratados, entre eles Renato Gaúcho, Felipão e Roger Machado, ídolos do Tricolor gaúcho.

João Carlos Maringá trabalhou durante quatro anos como vice de futebol da Chapecoense. Saiu em 2014, mas afirma que vinha recebendo propostas de Sandro Pallaoro para retornar ao clube. Maringá, no entanto, afirmou que a sua resposta seria negativa, já que na sua percepção, a Chape estava bem servida com o trabalho de Mauro Stumpf e Cadu Gaúcho. Agora ele volta para ajudar a equipe a se reerguer.

Nivaldo está na Chapecoense desde 2006. Participou, como goleiro, de todos os acessos da Chapecoense, entre tantas outras conquistas. Estava prestes a completar o seu jogo de número 300 pela equipe alviverde, mas “pendurou as chuteiras” para assumir a gerência de futebol do Verdão.

Marcos Cezar, o Marquinhos também está sendo repatriado. Já atuou na Chape, em 2014, como preparador físico do sub-20. Em 2015 subiu para a equipe profissional, atuando como fisiologista. Por ter trabalhado com o técnico Guto Ferreira, Marquinhos o acompanhou na ida para o Bahia. Agora, retorna à Chapecoense para assumir a função de preparador físico.

*Com informações do chapecoense.com

+ Esportes

UEFA 2016: Barcelona não enfrenta Bayern
UEFA 2016: Barcelona não enfrenta Bayern
Confira os resultados da 38ª rodada, tabela do Brasileirão 2016
Confira os resultados da 38ª rodada, tabela do Brasileirão 2016
Brasileirão 2016: Sport ganha do Figueirense por 2 a 0
Brasileirão 2016: Sport ganha do Figueirense por 2 a 0
Brasileirão 2016: Ponte Preta marca 2 no Coritiba
Brasileirão 2016: Ponte Preta marca 2 no Coritiba

Tags:, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,